terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Raciocinio, rapidez e estupidez


Estamos oficialmente sem juízo!

Montes e montanhas de cadernos, livros, fotocópias, canetas, calculadoras, portáteis e outras tantas maquinarias têm tido presença em qualquer recanto da casa ou café que frequentemos. Obviamente, tais companhias criam em nós uma doença estranha chamada loucura, ou bebedeira de água. Além de noutros anos termos começado a escrever na mesa as funções e raciocínios que a mente libertava, desta vez, no café da vizinhança, esse tal de raciocínio extraviou-se todo perante um jogo, o jogo do "Stop".

Sim, sim... jogamos ao jogo do Stop e foi coisa linda de se ver. Para quem desconhece, este jogo tem como finalidade, perante a escolha de uma letra do abecedário, escrever no mínimo de tempo possível, palavras começadas com essa mesma letra, em diversas categorias: nomes, países, marcas, cores, objectos, árvores, frutos, cidades e objectos.

Pois bem, qual "Isaac Nilton", qual quê, aquilo nem com maças a bater no cérebro lá íamos, ora vejam:

Cor com letra I : Invisível
Cor col letra T: tosco
Cor com a letra D: damasco

País com a letra N: New York
País com a letra T: Toronto

Árvore com a letra A: Ananaseiro
Árvore com a letra T: Tamareiro

Objectos...

Aqui extrapolamos o nosso conhecimento para mais além, e o que seria uma categoria de objectos, passou a ser uma categoria de "cenas":

Objectos letra U: urso de peluche
Objectos letra R: rato de peluche
Objectos letra I: Igreja e ilha
Objectos letra Q: Quináz ( o que queria era tenazes (?))
Objectos letra C: cão de peluche

Muitas das "cenas" não me recordo, mas ás vezes, só ás vezes, falava-se baixinho só para ninguém dar atenção á barbaridade... como para marcas por Richard, que obviamente desconhecia tal coisa mas começava por R.

Para completar, á noite nas respectivas mantinhas a ver TV no sofá, fomos abordadas por uma súbita vontade de baileys e pipocas... mas surgiu o convite para café e fomos salvas.

Acreditem-se, estamos oficialmente numa época difícil.

By N.

1 comentário:

Susana R. disse...

Olá :)

Feliz 2010!

haha achei o máximo este post!

É verdade, quem me dera que o meu vizinho usasse Armani! ;)

Beijinhos
Susana R.